Seja bem vindo! O Pinguim é o seu anfitrião!

Aqui você encontra aulas de música, crônicas do dia a dia e a tira Mondo Penguim. Utilize a seção "Marcadores" ao lado para ir direto ao que lhe interessa.

E fique à vontade! A casa é sua!

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Cuidado e Carinho

Gasto cerca de quarenta minutos para percorrer de bicicleta os oito quilômetros que separam a minha casa do local onde trabalho. Considero um privilégio morar perto do trabalho por dois motivos: primeiro que posso usar a bicicleta, o que contribui para a saúde (e evita a barriguinha). Segundo porque durante o tempo do trajeto, posso ter uma descontraída conversa mental com Deus.

A longo desse “papo”, falo de muitas coisas, algumas vezes muito importantes, outras vezes nem tanto. Mas sempre tive a sensação de que Deus se interessa por cada aspecto de nossas vidas, consideremos importantes ou não. E acabei tendo a prova definitiva de que eu estava certo.

Numa dessas conversas, comentei com Ele que gostaria de ter um teclado novo, com sons que tivessem mais a minha cara e meu estilo de tocar. Tudo bobagem, na verdade, quase um capricho de minha parte já que eu já possuía um teclado que dava pro gasto.

Mas, entenda, eu não estava exigindo nada de Deus, nem estava ansioso com coisa alguma. Com o coração sincero e tranquilo, expressei a Ele minha vontade de possuir um instrumento que melhor se adequasse às minhas necessidades. Nem mesmo estava reclamando de nada, apenas conversando com Ele da mesma forma que se conversa e compartilha coisas com um amigo. Também dizia a Ele que jamais poderia comprar um teclado novo com o meu salário atual, já que tenho várias prioridades em casa com a família. Dispor de um valor alto me consumiria muito tempo e recursos de modo que me faltaria em outros aspectos da minha vida familiar.

O interessante é que nem pensava muito nisso quando em um único dia Deus resolveu me mostrar que estava escutando tudo que eu conversava com Ele.

Era uma quinta-feira à tarde. Meu celular tocou. Olhei o número antes de atender e, pelo DDD, percebi que era uma ligação de São Paulo. Atendi e uma moça muito simpática se identificou como funcionária do Maurício de Souza Produções dizendo que o Maurício havia lido uns roteiros que eu mandei para lá em 2007 e que tinha gostado muito, estando interessado em compra-los. Meio embasbacado, lembrei-me mesmo de ter mandado esses roteiros para eles a dois anos atrás.

Naquele instante, senti uma voz no meu coração me falando: “Lembra-se daquele teclado que você me falou?”

Na mesma tarde fui convidado para a cerimônia de encerramento de um seminário tecnológico que eu tinha participado no ano passado com dois amigos na empresa onde trabalho. Para minha surpresa, nosso trabalho havia ganhado em nossa categoria e recebemos um prêmio em dinheiro lá na cerimônia.

A mesma voz anterior falou de novo ao meu coração: “Isso ainda é sobre aquele teclado que você me falou...”

Como se não bastasse tudo isso, naquela mesma tarde comentei com um amigo que talvez fosse vender o teclado que eu uso. Logo à noite, esse amigo me ligou perguntando se eu ia mesmo vender o teclado e eu disse que sim. Ele foi até a minha casa, viu o teclado e o comprou imediatamente, pagando-me à vista.

De uma hora pra outra eu tinha o dinheiro que precisava para comprar o novo teclado. Assim são as coisas que Deus faz.

Tudo isso me ensinou algumas lições importantes que eu gostaria de compartilhar:

- Deus está muito interessado em todos os aspectos da nossa vida.

- Deus sabe qual é o melhor momento para as coisas acontecerem em nossas vidas. Não devemos e de nada adianta andar ansioso a respeito de nada.

- Devemos deixar a cargo de Deus a ordem das coisas que acontecem conosco. Existem coisas que eu achava serem mais importantes para Deus realizar em minha vida do que esse teclado. Mas Ele sabe o que é melhor. E eu estou muito satisfeito que seja assim.

- Não devemos nos basear em sentimentos para crer em Deus. Às vezes sentimos muito a presença de Deus ao nosso lado, outras vezes não. Isso não significa que Ele não esteja sempre ao nosso lado como Ele mesmo prometeu. Fé é crer naquilo que não vemos e também naquilo que não sentimos.

- Deus não é nosso servo. Muito acham que Deus está aí para realizar nossos próprios desejos egoístas, como se Ele fosse um gênio da lâmpada. Deus realiza sim, os desejos do nosso coração contanto que esses desejos estejam alinhados com a vontade dEle. Na prática, quanto mais nos aproximamos de Deus e tentamos conhecê-lo através da Bíblia, mais nosso coração se alinha com a vontade dEle.

- Nosso relacionamento com Deus não deve se basear em empolgação. Semana retrasada eu estava muito empolgado com o que aconteceu em relação a esse teclado. Semana passada, no entanto, trabalhei muito, dormi pouco, me cansei bastante, muita coisa não saiu do jeito que eu queria e isso fez a empolgação desaparecer. Mas Deus continuou ao meu lado o tempo todo. Empolgação é passageira. Deus não.

Relacionamento com Deus é baseado em fé. Fé é acreditar naquilo que não se vê. Deus não vai te provar que Ele existe para depois você crer nEle. É justamente o contrário. Primeiro você tem que crer na existência dEle. E então, ao longo da sua vida você acabará percebendo provas maravilhosas de Sua existência.

Assim tenho tentado viver.

Meu velho Korg X5D


Binquedinho novo: o Yamaha MO6

9 comentários:

Gabriel Ramos disse...

Fala alessandro,

E aquela coisa que sempre repetimos e nunca com convicção. Deus tem um propósito em tudo, desde vc ter uma bicicleta, disposição para andar e morar perto do seu trabalho, até o desejo de ter um teclado novo. Ele define os caminhos que serão tomados por nós para que lá na frente glorifiquemos a Ele pelo seu caminho.
Cabe a nós sabermos esperar nEle.

marcelo disse...

parabens pelo Brinquedo
e o de baixo? tem nome?

Pati G. disse...

Meu floriguinho... fiquei muito feliz por você. Sei que foi importante pra sua vida saber que Deus cuida de ti, não que não soubesse antes dessa experiência. =)
Tenho certeza que as bênçãos de Deus jamais faltarão na sua vida, na nossa vida, pois nosso Deus é Fiel!!!!
Te amo!

Alessandro disse...

Grande Gabriel!

Você está coberto de razão, amigo!

Alessandro disse...

Marcelão!

O de baixo é um Roland XV-88. Presente de Deus também. Talvez semana que vem eu conte a história dele.

Um abração!

Alessandro disse...

Quanto ao comentário da minha esposa, eu respondo pessoalmente mesmo ;)

james disse...

.

Graça, e paz, e amor, vos sejam multiplicados, amado em Cristo,
irmão Alessandro Abrahão.


Que interessante este vosso maravilhoso testemunho!! O mais interessante a se notar, é que Deus atentou para ti, sem, contudo ter que fazer qualquer doação a igrejas e/ou programas evangélicos...

Infelizmente, muitos entram por este caminho da barganha com Deus, ansiosos em prosperidades matérias, e não se apegam que o Senhor é compassivo, é longânimo, e sonda corações e mentes...

... e um coração sincero é fruto daquele que realmente busca adorar ao Senhor em espírito e em verdade!

Nos interesses de Cristo e Sua Igreja.

Fraternalmente.

James.
Jesus, o maior Amor
Comunidade "Adoradores em Casas"

...
..
.

Alessandro disse...

Meu irmão James,

De fato, você notou algo interessante. O interesse de Deus em nossas vidas não está de forma alguma atrelado a doações e barganhas feitas em igrejas.

Se assim fosse, Deus só se interessaria pelo Bill Gates ;)

Um abraço e que Deus lhe abençoe!

will disse...

Meu querido cumpadre
Nem preciso t falar o quanto TE AMO.Mais vai aí... TE AMO!!
Fico grata ao Senhor por Ele cuidar de vc a cada dia,isso tb é prova de amor de Deus por mim,pois cuida dos q eu amo.
Um abraço